Material Dourado em Madeira, Plástico ou EVA: qual o melhor?

Dentre os recursos pedagógicos mais antigos e eficazes no ensino da matemática, temos o Material Dourado em Madeira, muito conhecido por professores e alunos. Ele é, normalmente, solicitado na lista de material das crianças ou já armazenado na escola para uso coletivo.

No entanto, com o passar dos anos, outros tipos de Material Dourado chegaram no mercado, o Material Dourado em plástico e o Material Dourado em EVA. Embora tenham o mesmo objetivo, é importante deixar claro que o ideal é usá-los em momentos diferentes.

A recomendação também é se atentar a faixa etária das crianças para sugerir a ferramenta que mais se adequa. Em razão disso, neste conteúdo, você vai entender a diferença entre Material Dourado em Madeira, Plástico e Eva. Acompanhe!

O que é e para que serve o Material Dourado?

O Material Dourado, criado pela educadora italiana Maria Montessori (1870-1952), é composto por peças de cerca de 1cm³, que representam os algarismos. Assim, ele possui os cubos que simbolizam as unidades, as barras que fazem referência às dezenas, as placas que correspondem às centenas, e o cubão que configura o milhar.

A principal função do Material Dourado é a de representar visualmente o conceito, até então, abstrato dos números e operações matemáticas. Nesse sentido, contas como 10 + 10, por exemplo, podem ser facilmente realizadas por meio de 20 cubinhos.

Em outras palavras, o Material Dourado serve para que as aulas de matemática se tornem mais simples e lúdicas. Desta forma, as crianças se mostram mais dispostas a estudar a disciplina.

É válido destacar que o Material Dourado em Madeira, a princípio, era o único disponível para essa finalidade. Contudo, hoje temos opções em plástico e EVA, das quais falaremos em detalhes a seguir. Confira!

Características do Material Dourado em Madeira

Começamos então, pelo tradicional, o Material Dourado em Madeira. Ele é, com toda a certeza, o mais conhecido pelos profissionais, pais e alunos. Isso porque, é um recurso que marcou gerações e foi criado originalmente nesse modelo.

Com placas, barras e cubinhos, o Material Dourado em Madeira tem o objetivo de tornar as aulas de matemática mais simples e dinâmicas. Neste contexto, as peças, que representam as unidades, dezenas, centenas e milhar auxiliam na representação de números, resolução de operações, problemas, e assim por diante.

Embora o Material Dourado em Madeira seja mais pesado que o plástico ou EVA, ele é fundamental para a correspondência entre quantidade, volume e número. Ou seja, devido ao seu peso, é mais simples de os alunos conseguirem associar a porção que têm em mãos.

Para exemplificarmos, quando as crianças realizam somas, o volume de cubinhos vai se tornando maior. Em outras palavras, se o aluno tem 10 cubinhos nas mãos e precisa somar com mais 10, ele perceberá o quanto essa quantidade aumentou, devido ao peso das peças.

Vale destacar que, normalmente, o Material Dourado em Madeira vem acompanhado de um estojo do mesmo material. Esse estojo serve para armazenar as peças, evitando a perda. Inclusive, ajuda na preservação da ferramenta pedagógica.

O Material Dourado em Madeira, tende a ser mais convidativo e eficiente. Ademais, sensorialmente falando, ele consegue acrescentar novas camadas ao aprendizado.

Características do Material Dourado em Plástico

O Material Dourado em Plástico dispõe de algumas vantagens em relação ao Material Dourado em Madeira, começando pela higiene. Diferentemente do Material Dourado Tradicional, quando se adquire as peças em plásticos, é possível lavá-las com água e detergente, e até desinfetá-las com álcool 70%.

Esse é, sem dúvida alguma, um ponto muito positivo, pensando que o acúmulo de sujeira no material pode causar danos à saúde das crianças. Além disso, o Material Dourado em Madeira pode mofar com o tempo, coisa que não acontece com o Material Dourado em EVA.

Outro fator importante ao comparar o Material Dourado em Madeira com o Material Dourado em Plástico, é a sua durabilidade. Embora as peças de madeira pareçam ser mais duráveis, elas podem se quebrar com uma queda. Já com o Material Dourado de plástico, isso dificilmente irá ocorrer.

Por fim, é importante destacar que o Material Dourado em Plástico é reciclável, o que é benéfico ao meio-ambiente. Inclusive, é possível atrelar essa informação às aulas de geografia e realizar atividades interdisciplinares.

Contudo, precisamos salientar que, embora tenha diversas vantagens, o Material Dourado em Plástico como recurso pedagógico, pode não ser tão eficiente quanto o de madeira. Isso porque, mesmo que seja representado pelas mesmas peças e tenha o mesmo objetivo, elas são muito leves. Portanto, a noção de quantidade e peso não acontece.

O Material Dourado em Plástico, costuma chamar mais a atenção das crianças devido as suas cores. Essa pode ser uma excelente estratégia para reter o interesse.

Características do Material Dourado em EVA

Embora seja relativamente novo no mercado, o Material Dourado em EVA, já aparece constantemente nas listas de materiais dos pequenos, especialmente na Educação Infantil. Isso porque, ele apresenta uma leveza maior que o Material Dourado em Madeira e o de Plástico.

Além disso, esse material é macio e não dispõe de pontas que podem machucar as crianças, ou seja, é uma ótima escolha para usar o Material Dourado na Educação Infantil. No entanto, no quesito durabilidade, ele tende a ser muito menor que o Material Dourado em Madeira e o de Plástico, pois o EVA pode ser rasgado facilmente.

Em relação aos objetivos, ele possui os mesmos dos demais modelos e, inclusive, também representa as unidades, centenas e dezenas e milhar. Em contrapartida, assim como o Material Dourado de Plástico, o EVA não é ideal para atividades para a noção de peso e quantidade por ser indiscutivelmente mais leve que o de madeira.

Ademais, outra característica comum com o Material Dourado de Plástico é o fato do EVA também ser colorido. Ou seja, ele apresenta diversas tonalidades, o que também se torna mais atrativo para as crianças menores, prendendo mais a atenção durante as atividades com o Material Dourado.

Material Dourado em Madeira, Plástico e EVA: quando usar cada um?

Agora que você já sabe as características do Material Dourado em Madeira, Plástico e EVA, precisa saber quando usar cada um deles. Nesse sentido, vamos às recomendações.

Por se tratar de um recurso versátil, que auxilia muito no Ensino da Matemática e em propostas que abordam diferentes conceitos, usar o Material Dourado é essencial para uma aula mais lúdica e atrativa. No entanto, é importante respeitar a faixa etária dos alunos para promover uma dinâmica mais eficaz e segura.

Nesse sentido, o Material Dourado em Madeira costuma ser uma excelente opção para o 4° ano e o 5° ano, por exemplo. Isso porque, nessas etapas, os alunos já possuem discernimento para trabalhar com esse modelo, sem riscos de se machucar e ainda sem a necessidade de cores para atrair a atenção. Em outras palavras, já são turmas mais maduras.

Já o Material Dourado em Plástico, é ideal para o 2° ano e 3° ano. Nessas fases, os pequenos estão mudando a mentalidade e descobrindo novas ferramentas. Inclusive, se os alunos já conhecerem o Material Dourado de séries anteriores, é uma boa oportunidade de apresentar novos conceitos.

Por fim, como já mencionamos, o Material Dourado em EVA é perfeito para a Educação Infantil. Além de ser mais seguro, também é mais atrativo. Contudo, os alunos do 1°ano também podem utilizá-lo, uma vez que ainda são muito novos e estão conhecendo a matemática.

É válido destacar que algumas atividades também podem ficar mais interessantes com determinado material. As operações matemáticas surtem muito mais efeito quando realizadas com o Material Dourado em Madeira, por exemplo. Já quando falamos em Jogos com o Material Dourado, o plástico e o EVA tendem a ser mais interessantes.

Afinal, Material Dourado em Madeira, Plástico ou EVA: qual o melhor?

Até aqui, ficou claro que não há um Material Dourado melhor que o outro, não é mesmo? O que ocorre é que cada modelo de ferramenta tende a ser mais interessante para uma turma ou atividade específica.

O Material Dourado em Madeira ultrapassa gerações e, pela sua tradição, costuma ser o preferido dos professores. No entanto, conseguimos ver diversas vantagens no uso do Material Dourado em Plástico, inclusive, sobre a higiene. Já o Material Dourado em EVA costuma ser uma excelente opção para as crianças menores, até mesmo pela segurança do recurso.

O ideal é sempre verificar a faixa etária e a proposta de ensino para descobrir qual a melhor alternativa para cada ocasião. Além disso, é possível alternar o uso para testar o que melhor funciona com cada turma.

Caso você queira saber mais sobre o assunto, confira também o nosso conteúdo: Qual a diferença entre o Material Dourado de Madeira e EVA?. Lembre-se de relatar a sua experiência com o Material Dourado nos comentários para enriquecer o nosso conteúdo. Boa aula e até a próxima!

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.