Quando usar o material dourado?

Se você atua na área da educação, especialmente nas séries iniciais, provavelmente se atualiza constantemente sobre os recursos didáticos disponíveis para uma melhor aprendizagem. Neste cenário, deve saber também o quanto é importante implementar ferramentas que tornem o ensino das crianças mais lúdico e efetivo, não é mesmo?

Embora não seja algo novo, muitos educadores têm dúvidas de quando usar o material dourado. Isso porque, diante da infinidade de objetivos que ele propõe, por vezes acaba sendo confuso saber o melhor momento de aplicá-lo nas aulas de matemática.

Pensando em auxiliar com essa questão, neste artigo, você vai compreender um pouco mais as finalidades e propostas do material dourado e, desta forma, saberá quando deve utilizá-lo para que as suas aulas se tornem mais dinâmicas e de melhor compreensão. Acompanhe!

A proposta do material dourado

Originalmente feito de madeira e dividido por peças que correspondem à unidade, dezena, centena e milhar, o material dourado é um recurso muito presente nas salas de aula, principalmente do 1° ao 5° ano.

A proposta por meio dele, é que os professores consigam transmitir aos alunos os mais diversos conceitos da disciplina da matemática, como: valor posicional, classes, ordens e decomposição dos numerais, operações fundamentais, resolução de problemas e jogos educativos que tenham como objetivo aprofundar os conhecimentos na matéria.

O material dourado é um dos recursos didáticos mais usados para o processo de aprendizagem da matemática e, além disso, também proporciona o desenvolvimento dos mais diversos sentidos como tato e visão, garantindo que as crianças tenham os mais diferentes estímulos, enquanto aprendem a matemática.

Ao implementá-lo na sala de aula, as relações numéricas abstratas se tornam mais concretas, facilitando assim, a compreensão dos alunos. Inclusive, muito mais que o entendimento da matéria, ocorre também um maior desenvolvimento de raciocínio e um aprendizado mais dinâmico e agradável.

Qual o momento ideal de usar o material dourado?

O ensino da matemática é introduzido nas escolas desde a educação infantil. Em razão disso, é fundamental utilizar todos os recursos possíveis para tornar as aulas mais simples, respeitando a fase em que cada aluno está. Em outras palavras, o material dourado deve ser usado desde o primeiro contato da criança com a matéria.

A princípio, a recomendação é apresentar o recurso a partir da primeira série do ensino fundamental, fase em que as crianças começam a fazer pequenas operações matemáticas. No entanto, já é possível usar material dourado na educação infantil, em pequenas proporções, ou seja, por meio de jogos e associações de números.

No ensino fundamental, como já foi dito, é imprescindível que o material dourado já faça parte da lista de material escolar, bem como esteja no planejamento de aulas. Desta forma, os alunos já podem aprender a matéria com o auxílio dele. É claro que, nessa fase, a exploração do recurso é bem menor, isto é, sem grande complexidade, uma vez que as próprias atividades para essa série são mais simples.

Após o segundo ano escolar, já é possível implementar a ferramenta em sua totalidade, melhor dizendo, utilizá-la em toda aprendizagem com números, desde ditados numéricos, até resolução de problemas. Os resultados são excelentes, uma vez que, por meio do material dourado, os alunos conseguem ter uma clareza de ideias muito maior que quando aprendem com o apoio apenas dos livros e da lousa.

Como utilizar o material dourado?

O material dourado pode ser utilizado para as atividades que auxiliam no ensino da disciplina da matemática, ou seja, para o aprendizado do sistema de numeração decimal e também para a realização das operações básicas.

É fato que, as atividades com material dourado, devem ser divididas por série. Isso significa que existe uma forma correta de introduzir o recurso em sala de aula, respeitando o nível em que cada turma se encontra.

Dentre os exercícios feitos com o material dourado, é possível explorar:

  • interpretação e produção escrita numérica;
  • contagem de elementos e registro de algarismos;
  • comparação de quantidades;
  • identificação e escrita de antecessor e sucessor;
  • comparação de números, entre maiores e menores;
  • dentre outros.

Além disso, é possível aplicar diferentes jogos com material dourado para que a aprendizagem se torne mais dinâmica e divertida.

Quais são os benefícios do uso do material dourado?

São inúmeros os benefícios do uso do material dourado, uma vez que o recurso segue os princípios montessorianos, isto é, os mesmos métodos usados na educação sensorial. Dentre os principais podemos destacar:

  • desenvolvimento da independência da criança: com o material dourado, a criança aprende a ter maior concentração, coordenação e ordem. Assim, melhora a confiança em si;
  • reprodução de experiências concretas: ao aprender matemática por meio de livros e da lousa, os alunos se deparam apenas com experiências abstratas. Já, ao utilizar o material dourado, as crianças conseguem manuseá-lo, aprendendo de forma concreta;
  • identificação dos possíveis erros: quando uma criança erra uma operação matemática no caderno, o equívoco pode passar despercebido. Com o uso do material dourado, é mais simples de ela perceber o erro e consertá-lo imediatamente;
  • exploração dos sentidos: por intermédio da ferramenta, a visão e o tato são igualmente explorados, ampliando a estimulação dos sentidos.

Entendeu quando usar o material dourado?

Diante de tudo o que foi apresentado até aqui, ficou claro que existem diversas possibilidades para implementar atividades com o material dourado em sala de aula. Além da quantidade de exercícios que podem ser feitos, o recurso também oferece muitos benefícios que, inclusive, são maiores que a aprendizagem em si.

É importante destacar que, independentemente do ano escolar, a utilização do material dourado é sempre muito bem-vinda. É claro que é fundamental respeitar o nível em que cada turma se encontra, antes de aplicar determinadas atividades. No entanto, seguir o livro didático é uma excelente alternativa para não errar.

Caso você queira sugestões de atividades para uma série específica, navegue pelo nosso site, conforme o ano escolar da criança. Desta forma, você terá acesso aos exercícios próprios para cada ano. Não esqueça de deixar o seu comentário e compartilhar este conteúdo com outros professores que também têm dúvidas de quando usar o material dourado.

Boa aula! Até a próxima!

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.